Título: O Vilarejo
Autor: Raphael Montes
Ilustração: Marcelo Damm
Ano: 2015
Editora: Suma de Letras
Número de páginas: 96
Skoob:Adicione Compre:Amazon

Sinopse:Em 1589, o padre e demonologista Peter Binsfeld fez a ligação de cada um dos pecados capitais a um demônio, supostamente responsável por invocar o mal nas pessoas. É a partir daí que Raphael Montes cria sete histórias situadas em um vilarejo isolado, apresentando a lenta degradação dos moradores do lugar, e pouco a pouco o próprio vilarejo vai sendo dizimado, maculado pela neve e pela fome.As histórias podem ser lidas em qualquer ordem, sem prejuízo de sua compreensão, mas se relacionam de maneira complexa, de modo que ao término da leitura as narrativas convergem para uma única e surpreendente conclusão.

O Vilarejo é um livro de contos de terror. Onde traz os setes pecados capitais, invocados por sete demônios. Conheceremos um vilarejo que está sendo dizimado pelo frio e fome. O lugar parece esquecido e os moradores fazem o que pode para sobreviver.

Fiz a releitura deste livro maravilhoso este ano para o Clube do Livro da minha cidade. Mas já havia lido e se tornado uma das minhas melhores leituras do ano de 2015, não sendo diferente agora.


O livro começa com o prefácio do tradutor, que é o Raphael Montes, que recebe manuscritos que pertencia a uma senhora chamada Elfrida Pimminstoffer. Que faleceu meses atrás. Mas o texto havia sido escrito em uma língua estrangeira, onde retratava nestes textos cenas de horror, com muita violência em um vilarejo que não se encontra mais no mapa.

O Livro é dividido em nove capítulos com prefácio e posfácio, teremos os contos: Belzebu, Leviathan, Lúcifer, Asmodeus, Belphegor, Mammon e Satan. E todos eles se conectam em algum momento e isto é sensacional.  Encontraremos personagens marcantes que ficarão na nossa cabeça por muito tempo; ou pelo seus atos, ou pela violência sofrida. Além de cada conto ser viciante e de uma crueldade visceral, ainda trazem muitas questões reflexivas como egoísmo, bullyng, racismo, abuso sexual, inveja entre outros temas.


Um livro de horror que entrou para minha lista de queridinhos do gênero, com uma escrita agradável, e ao mesmo tempo angustiante e apavorante. Ao presenciarmos do que os personagens são capazes, com certeza ficamos abalados. Em vários momentos durante a leitura me peguei com a mão na boca com aquela expressão. É isso mesmo? Que louco?

Cada história trará um pecado capital onde seremos surpreendidos por situações imagináveis, e finais impactantes. Os contos ao se entrelaçarem nos mostram cenas surreais e aterrorizantes, é uma aflição atrás da outra neste livro. Você vai acompanhando os acontecimentos e pensando: Eu não acredito que isto está acontecendo. Sim, se prepare para cenas perturbadoras e um desfecho  magnífico. Confesso que fiquei boquiaberta com aquele final. Foi um soco no estômago.


A edição está maravilhosa, cheia de ilustrações, que se tornam bem macabras, ligadas ao contexto.  A capa é linda, fonte do tamanho agradável, e páginas amarelas.

Então fica a dica de um livro muito sombrio, com personagens e histórias inesquecíveis, cruéis. E uma ambientação maravilhosa, você é completamente inserido em O Vilarejo. Visite.

“... na ficção, tudo é possível.”





13 Comentários

  1. Oie
    Raphael Montes foi uma surpresa para mim. Ele está na minha lista de autores nacionais preferidos.
    Assim como vc, adorei O Vilarejo. Amo histórias sombrias...
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Olha, eu sou suuuper suspeita pra falar dos livros de Raphael Montes, porque eu super sou fã dele!!
    Já li O Vilarejo, Dias perfeitos, Mas faltam alguns outros e parece que ele acabou de assinar um contrato de um novo livro com a companhia das letras!!
    Estou super empolgada!
    Que bom que você também gostou do livro!!!
    beijinho grande!!!

    #Ana

    https://literakaos.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  3. Oi, eu li esse livro esse ano, e foi uma surpresa, já que não leio historias de terror, e foi uma surpresa boa, gostei dos contos e como foi se encaixando as historias e gostei da escrita do autor, e estou cada vez mais interessada em livros desse gênero. Ótima resenha.
    bjus

    ResponderExcluir
  4. Olá,
    Desconhecia a obra e fico muito feliz que todos esses elogios são para uma obra da literatura nacional.
    O gênero não é um dos meus preferidos, mas estou tentando sair da zona de conforto e me aventurar no horror! rsrs
    Achei a premissa bem interessante por envolver os sete pecados e o fato de todos os contos se interligarem em alguma parte é bem legal.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Ana!
    Sem a menor sombra de dúvidas, esse livro não é para mim hahaha
    Entretanto, não tenho como questionar o sucesso que ele faz, uma vez que só leio coisas boas sobre ele e a sua resenha é a prova disso.
    Nunca tinha visto a edição dele e minha nossa... que coisa mais linda! Medonha, mas linda.

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  6. Oi Ana *_*,

    Eu fiquei apaixonada pela escrita do Rapha e já estou lendo Dias Perfeitos, porque viciei no gênero e na forma como ele conduz suas narrativas e os personagens com psicose, transtornos e desejos vorazes por sangue.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bem?

    Espera, estou me recuperando de um colapso... Foto com o livro aberto?????? Morri, daqui a pouco volto!

    Não conhecia o autor, preciso tentar mais terror e horror, mas no momento estou preferindo - ou lendo apenas - romances cor de rosa. Uma hora volto para grandes emoções.

    Sua resenha me deixou muito curiosa para conhecer mais da obra do autor. Parabéns.

    ResponderExcluir
  8. Heey Ana, tudo bem? Li esse livro sem grandes expectativas e também adorei, achei super original e bem desenvolvido. E aquele final? Conseguiu me deixar de boca aberta. Adorei tua resenha, e as fotos ficaram ótimas <3
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Não conhecia esse livro e fiquei com muita vontade de ler depois da sua resenha, já que amo livros com esse tema. Achei muito interessante ter como tema principal os sete pecados capitais. Vou adicionar na minha lista de leitura para ler em breve.
    Beijos.
    http://arsenaldeideiasblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  10. Oi. Já me conformei em não poder ler esse livro por agora. Desde que foi lançado e desde de que comecei a ler as resenhas, minha vontade de ler esse livro só aumenta. Mas não sei quando vou poder ler. Espero que logo!

    ResponderExcluir
  11. Olá.
    Sou uma pessoa muito medrosa para livros ou filmes de terror, tanto que os evito. Li muitas resenhas sobre esse livro, apenas uma negativa... Mas 99% positivas, eu realmente fiquei curiosa.
    Adorei a diagramação, muito bem feita. E que bom que depois de reler o livro ainda te deixou feliz. E que a leitura foi agradavel.

    ResponderExcluir
  12. Olá
    muito legal sua resenha, eu sou louca para ler todos os livros do autor e esse sempre me chama atenção, bela dica

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá,

    Sempre quis ler alguma obra desse autor e sua resenha me deixou ainda mais instigada para investir nesse livro. Espero em breve comprar meu exemplar.

    Abraços
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir